SPFW inverno 2014 - dia 2

14:04:00

Rolou ontem o segundo dia de SPFW e hoje vim trazer pra vocês meus looks preferidos de cada desfile. Ontem desfilaram Alexandre Herchcovitch (feminino), Acquastudio, Fernanda Yamamoto, Vitorino Campos e Juliana Jabour, pra conferir os desfiles do primeiro dia clica aqui.

Começando pelo desfile do Herchcovitch, que aconteceu no Teatro Municipal de SP. Assim que comecei a ver as fotos pensei "nossa, parece camisola de novela de época" hahaha bingo! A inspiração da coleção é  camisolas antigas e a era vitoriana, em materiais como lã, voil de algodão, malha de cashmere e couro nas cores preto, cinza mescla, off-white, camelo, magenta e bege. Regata de malha veio sobreposta em camisas, vestidos e cardigãs, resultando em uma imagem forte e contemporânea de moda. As peças mais fofas são sem dúvida os vestidinhos de voal de algodão bordados em picueta (aquela costura em zigue e zague normalmente usada em lingeries). Os looks totalmente rendados (reparem na última foto) foram feitos em parceria com a estilista Martha Medeiros, rainha da renda no Brasil.



O segundo desfile da noite foi o da Acquastudio, que se inspirou nas divas dos anos 40. A coleção veio com a feminilidade da mulher daquela época, que é ao mesmo tempo firme, sexy e feminina. As formas são bem alongadas e retas, com cintura bem marcada. Saias lápis, vestidos (midi e longos) e peplum vieram em tecidos como tule e lã, em cores sóbrias, como cinza, preto, rosa-claro e vermelho. As peças também apareceram com transparências, renda, e até um pouco de brilho, tudo bem feminino e delicado. Gostei demais da coleção o que acharam?



Fernanda Yamamoto trouxe uma combinação dos anos 50 com acabamentos recortados, que remetem às dobraduras japonesas. As formas vieram cheias de fluidez e volumes, numa silhueta não tão definida. O desfile trouxe duas propostas, a primeira em looks monocromáticos e a segunda baseada em estampas digitais. Alguns dos materiais são seda, organza e cetim em cores como preto, branco, amarelo, vermelho e azul. Alguns dos looks eram misturas de saias godês midi com cintura marcada e tops alongados, o que às vezes confundia como se fosse uma peça só. Não é um estilo de roupa que eu usaria, mas há quem goste. 



Logo depois veio Vitorino Campos com a inspiração "A corrente vital da natureza, a influência da fotografia de Irving Penn e o fim de tudo que nasce belo". Em materiais como lã, algodão, zibeline bordado em cristal e cetim duchese ele trouxe peças bem mais ajustadas e muita alfaiataria. Na cartela de cores muito cinza, preto, off-white e cereja. Os looks mostrados no desfile vão entre o clássico e o moderno, o feminino e o masculino. Várias peças vieram com fendas (sexy sem ser vulgar) e recortes em zíper. Meu look preferido é o da última foto, com saia vinho e camisa de cetim com bordados.



Pra encerrar os desfiles da noite Juliana Jabour trouxe uma coleção bem esportiva e toda dedicada ao moletom. A coleção, chamada "Moletom Couture" trouxe o tecido com diferentes aplicações e texturas, deixando o material nobre, chique e sofisticado. A cartela de cores conta com cinza mescla (cor tendência no inverno), preto e branco. Além do moletom o universo esportivo também foi trazido em couro matelassado, jacquards com cetim e neoprenes com estampas. Pra sua coleção Gold, de festa, Juliana trouxe materiais e modelagens mais leves, onde o grafismo em preto e branco foi destaque. Gostei demais dos looks que vieram com saia mais rodada e blusa mais ampla.

Fotos: FFW

Qual o preferido de vocês do segundo dia?

Posts relacionados

0 comentário(s). Comenta menina(o)!